Imagem representativa do item

Jabaquara

  • Jabaquara Atlético Clube
Tipo
Clube de Futebol Profissional
Fundação
15/11/1914

O Jabaquara Atlético Clube é um time da orla santista e tem mais de cem anos de história. O time foi fundado por um grupo de jornaleiros espanhóis em 15 de novembro de 1914, com o nome de Hespanha. O nome foi alterado em 1942, por pressões políticas, o que afastou a colônia espanhola e seus investimentos. O clube passou por vários bairros da cidade, mas a partir de 1960 se instalou no bairro da Caneleira, em um terreno de aproximadamente 67 m², área que se tornou mais valorizada com o passar dos anos, principalmente pela presença do clube. Apesar do investimento profundo da especulação imobiliária sobre a área, Vitor Serpa, gerente administrativo do clube, contou em entrevista cedida ao Museu do Futebol para o projeto Na Área em Santos (2016), que o time não cogitava sair do bairro. Foram construídos na área centro de treinamento, campo para cerca de 8 mil torcedores e uma quadra de futebol society, utilizada para recreação e para obter renda para o time. Serpa informou que a criação da escolinha de futebol de salão aproximou mais a comunidade do clube. “Tem dias que se chega a contabilizar de 300 a 400 pessoas dentro do clube”, disse ele. O Jabuca, como ficou popularmente conhecido, recebeu figuras importantes que fizeram sucesso em outros clubes. É o caso de dois ex-presidentes do Santos: Athiê Jorge Coury, ex-sócio do Jabaquara, presidiu o Santos no período de 1945-1971 e Milton Teixeira, presidente do Santos de 1983 a 1987. Baltazar, jogador famoso por sua trajetória no Corinthians, também conhecido como “Bailarino” e “Cabecinha de Ouro”, estreou no Jabaquara em 1944. Geuvânio, revelação do Campeonato Paulista de 2014 pelo Santos, também passou pelo clube. O time foi o primeiro a marcar gol em jogo oficial no estádio do Pacaembu e foi um dos clubes fundadores da Federação Paulista de Futebol, em 1941. O Jabaquara passou por momentos financeiros muito difíceis, principalmente no período de 1967 a 1977, quando o clube entrou em falência, motivo pelo qual pediu a Federação Paulista que jogasse de forma amadora. Em 1993 retornou ao futebol profissional como campeão da série C (A3). Em 2002, o clube foi campeão paulista da série B3 (quinta divisão). Em 2016, o clube estava em disputa pelo campeonato paulista da Segunda Divisão e, segundo Serpa faz questão de lembrar, o clube não possuía mais dívidas. Pelé, ídolo santista, realizou uma parceria com o clube entre os anos de 2008 a 2013, que viabilizou a reforma do Estádio Espanha e a formação de equipes de base (por meio das quais o jogador Geuvânio foi revelado).

Jogadores e dirigentes

Quando Quem Atuação
Neymar da Silva Santos
01/2001-10/2001 Sérgio dos Santos Silveira Dirigente
1944-1945 Baltazar Atacante
1949 Renganeschi Zagueiro(a)
1950 Gilmar Goleiro(a)
1957-1959 Baltazar Atacante
1957 Renganeschi Técnica(o)
2016-2018 Sérgio dos Santos Silveira Dirigente
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
-->