O programa de acessibilidade do Museu do Futebol - PAMF

Ser acessível é propiciar que o maior número de pessoas, independente de suas condições físicas, sociais e intelectuais, possam viver suas experiências no Museu do Futebol.

Para isso, o Museu conta com recursos físicos e comunicacionais para atender aos mais diferentes públicos: brasileiros e estrangeiros; de diversas classes sociais; pessoas com deficiência física, intelectual e mobilidade reduzida; crianças, jovens, adultos e idosos.
Foi o primeiro museu da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo e também a Fundação Roberto Marinho, planejado para ser totalmente acessível. O desafio é grande e o Museu busca o constante aprimoramento e adaptação de sua expografia, conteúdos, linguagens e, principalmente, o atendimento humano e atento às diferenças.
O PAMF é gerido pelo Núcleo Educativo, responsável pela formação da equipe de colaboradores, por ações de consciência funcional junto às equipes de limpeza e de segurança do Museu, por projetos de inclusão social e pela criação de recursos pedagógicos que visam à transposição de linguagens.

PRÊMIOS RECEBIDOS

2009 - Certificado 5 estrelas em Acessibilidade, pela Secretaria Municipal de Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida de São Paulo
2012 - Prêmio Darcy Ribeiro conferido pelo IBRAM, pelo projeto educativo Deficiente Residente
2013 –3º lugar no Prêmio Iberoamericano de Educação em Museus, pelo Projeto Educativo Deficiente Residente.
 
CONHEÇA OS RECURSOS

• Gratuidade para pessoas com deficiência e um acompanhante.

• Atendimento qualificado e humano, a todos os públicos.

• Acesso a todos os andares do edifício por meio de escadas fixas e/ou escadas rolantes, elevadores para cadeirantes, carrinhos de bebê e pessoas com dificuldade de locomoção.

• Banheiros acessíveis em todos os andares e com fraldários nos banheiros de uso unissex.

• Telefone para surdos localizado no térreo.

• Internet gratuita por meio de WiFi.

• Audioguia em inglês e espanhol, acessível por smartphone.

• Audioguia para pessoas cegas ou com baixa visão.

• Piso tátil para pessoas cegas ou com baixa visão em todo o percurso da exposição de longa duração.

• Totens informativos em português, inglês, espanhol e Braille em todas as salas do Museu.

• Maquetes táteis e imagens em relevo, de livre acesso ao longo da exposição, que permitem a transposição de conteúdos de algumas salas expositivas.

• Catálogo do Museu em Braille e audiolivro, disponível para consulta na Biblioteca do Centro de Referência do Futebol Brasileiro.

• Jogos e materiais acessíveis oferecidos em atividades promovidas pelos educadores.

• Vagas exclusivas para pessoas com deficiência no estacionamento da Praça Charles Miller.

ABERTO

  • De terça a sexta das 9h às 17h (entrada até 16h)
  • Sábados, domingos e feriados das 10h às 18h (entrada até 17h)
  • Sujeito a alterações em dias de jogos no Estádio do Pacaembu.
  • Confira sempre a programação

FECHADO

  • Todas as segundas-feiras
  • 1 de janeiro
  • Quarta-feira de cinzas
  • 24, 25 e 31 de dezembro

ESTACIONAMENTO

  • Estacione na Praça Charles Miller com Zona Azul
  • Compre em postos de venda autorizados ou use aplicativos para celular.
  • Um Cartão Azul Digital (CAD) custa R$ 5 e vale por 3 horas na Praça Charles Miller.

MUSEU DO FUTEBOL

  • Praça Charles Miller, s/n – São Paulo/ SP – Brasil
  • Estádio Paulo Machado de Carvalho - Pacaembu
  • São Paulo, SP Brasil - (55) 11 3664-3848
  • contato@museudofutebol.org.br
  • OUVIDORIA
Copyright 2016 - Museu do Futebol - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por: MW Way